terça-feira, 28 de julho de 2015

A presidente apareceria na televisão em dia insosso

José Vanilson Julião
Jornalista
Na última postagem sobre a atual situação de antipatia nacional pela presidente Dilma Roussef, do Partido dos Trabalhadores, disse que ela parecia jogadora de futebol em fim de carreira, na busca da marca dos mil gols de Pelé.
Tudo devido os assessores de Dilma arquitetar uma série de aparições dela em redes privadas de televisão e na internet, com novas intervenções, mas com surrados e enfadonhos comentários, que sempre deságuam no hilário e no ridículo das assertivas presidencial.
E no auge da impopularidade, com menos de oito por cento de aprovação popular. Eis que a assessoria da Presidência da República enviou ofício para a Rede TV!, desmarcando a entrevista que a presidente daria ao programa "Mariana Godoy Entrevista" e que iria ao ar nesta sexta-feira (24).

A gravação fora combinada durante um café da manhã da jornalista com Dilma e confirmada pelo ministro Edinho Silva.
 
Haviam acertado o formato, o local, as condições e tudo estava combinado. Porém, por motivos pessoais ou de momento político, a presidente desmarcou, deixando a nova data em aberto.
Certamente que a audiência vai teria uma queda vertiginosa, para quem não tem muito. E em final de semana, quando começam as rodadas das quatro séries do campeonato brasileiro. E num dia em que as pessoas saem para a balada.


Nenhum comentário:

Postar um comentário