quinta-feira, 6 de setembro de 2018

General deve assumir a linha de frente da campanha


O candidato a vice-presidente da República, o general gaúcho Antônio Hamilton Martins Mourão, deve assumir a linha de frente da campanha política e eleitoral a partir de agora.

A decisão formal poderá ser anunciada a qualquer momento em face de provável demora para a recuperação do candidato a presidente, o deputado federal Jair Messias Bolsonaro.

O candidato Bolsonaro foi vitima de atentado a faca no final da tarde desta quinta-feira. O parlamentar passou por cirurgia com duração de pelo menos três horas na Santa Casa de Misericórdia de Juiz de Fora (MG).

Uma entrevista com o staff de Bolsonaro está marcada para ás 20h30. Por enquanto a candidatura continua mantida. Sem substituição na cabeça de chapa.

O fanático autor do atentado, Adelio Bispo de Oliveira, 40, foi filiado ao PSOl, foi preso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário