terça-feira, 18 de janeiro de 2022

Uma homenagem ao fotográfo Clóvis Santos

José Vanilson Julião Clóvis Alceu dos Santos, gaúcho de Dom Pedrito, começa no "Diário de Natal", o jornal Associado na capital potiguar, em 1971. A aquisição do profissional pela mídia da cadeia fundada pelo paraibano Francisco de Assis Chateaubriand Bandeira de Melo é anunciada na coluna "Informes DN" (sábado, 19/6). Assim reporta o colunista e jornalista Sanderson Negreiros: - Temos novo companheiro. Já há alguns dias em Natal, onde firmou nome como profissional. Após atuar na imprensa boa parte da década de 70 Clóvis Santos, nos anos 80 já se encontra contratado pela assessoria de imprensa do Estado. E como servidor público alcança a vice-direção da Penitenciária Central João Chaves. Eu já o conhecia de nome. Pelo noticiário do DN. Devido as assinaturas dos créditos de fotografia nas reportagens de editorias diversas. Passei a conviver profissionalmente na cobertura policial no presídio de Igapó (Zona Norte). Em agosto de 1984 o secretário de Interior e Justiça, Manoel de Medeiros Brito, deposita confiança no diretor da "João Chaves", tenente-coronel PM Marcílio Pinto da Silva, e no vice-diretor Clóvis Santos. Mesmo assim o DN, numa reportagem em que o secretário reclama da cobertura da imprensa, não deixa de alfinetar o subordinado Santos: "Antigo funcionário contratado pela asessoria. Segundo o relatório (Ministério da Justiça), ele só possui o segundo grau completo e experiência profissional como fotógrafo." Aqui deixo o meu depoimento: - Sempre que me deslocava ao presídio para ocorrencias de assassinatos ou fugas me sentia totalmente a vontade com o compreensivo atendimento de Santos. Uma ou duas vezes ele pauta visitas a padaria do presídio, com o intuito de mostrar o outro lado dos internos. Clóvis Santos ainda retorna ao "Associado" em 1989. Como registra a coluna "Tempo Livre" (Carlos Alberto Morais). Para compor dupla com Abmael Morais nas "entrevistas-crônicas" para o semanãrio "O Poti", a edição dominical do "Diário".

Nenhum comentário:

Postar um comentário