domingo, 6 de junho de 2021

O treinador uruguaio do América (V)

Alviverde da estrada do Arraial e Santa Cruz são os primeiros nordestinos


José Vanilson Julião

Técnico Joaquim Loureiro
Três meses após sair do tricolor paulista na primeira semana de maio (1938) são solicitadas as transferências de Graciano Acosta e de Luiz Gonzaga Lacerda (Vasco da Gama) para o alviverde América/PE. Eles chegam com o treinador Ambrósio Alfredo Gama, ex-técnico do Sport (34/35), campeão cearense pelo Fortaleza no mesmo ano, cuja decisão acontece em 1939.

O médio Ambrosio foi visto "dando um ponta-pé na bola" no campo da Constituição é convidado para o Futebol Clube do Porto, sendo o primeiro brasileiro a jogar em Portugal (1925). Estréia pelos Dragões na quinta rodada (campeonato do Porto) contra o Boavista (7/3/1926).

Está presente frente ao Verein Razenspiele Furth (campeão alemão da Baviera) com vitória local (3 x 2). Ao retornar ao Brasil ingressa novamente no Santos (fundado em 14/4/1912). Está no primeiro jogo-treino do então tricolor (azul/branco/dourado) contra o combinado Thereza Team (2 x 1 - 22/6).

Ambrósio Alfredo Gama

O selecionado nacional retorna da Copa da Itália (1934), o navio faz escala no Recife, e faz cinco jogos: 5 x 4 Sport (27/9), 3 x 1 Santa Cruz (30/9), 8 x 3 Náutico (4/10), 5 x 3 seleção pernambucana (7/10) e 2 x 3 Santa Cruz (10/10). Gama comanda o rubro-negro.

Quatro dias antes despacho do contrato de um ano (19/5) Acosta estréia pelo alviverde em amistoso: 9 x 1 Great Western (12/5) e oficialmente 3 x 0 Sport (21). Seguem 1 x 2 Tramways, 3 x 3 Náutico, 4 x 3 Náutico, 3 x 1 CSA, 1 x 4 Sport, 2 x 5 Tramways (um gol), 6 x 3 Náutico (um gol), 3 x 4 Santa Cruz, 5 x 1 Great Western, 5 x 2 Estrela do Mar, 3 x 2 Fortaleza, 3 x 3 Ceará, 2 x 1 Seleção/CE, América x Maguari, 2 x 5 Tramways, 2 x 2 Náutico, 1 x 6 Santa Cruz, 6 x 5 Great Western e 3 x 4 Sport (24/11).

O Sport joga amistoso contra o Botafogo/BA (2 x 4 – quinta-feira, 8/9) e convoca reforços contra o Centro Sportivo Alagoano (3 x 1 – domingo, 11/9) em Maceió. Zuza, Jaime e Acosta (cedidos pelo América).

Na primeira semana de dezembro é relacionado pelo treinador paulista Joaquim Loureiro para os treinos do selecionado pernambucano para o campeonato brasileiro da categoria. O preparador físico da Força Pública paulista é primeiro treinador profissional do Santos (1933 e 1959), Náutico (1934/35), Juventus (1943), Taubaté (1954/55), Operário/Ponta Grossa (1956), Atlético/PR (1958) e Noroeste de Bauru/SP (1960).

Substitui o uruguaio Humberto Cabelli (treinador Timbu em quatro oportunidades: 1930/33, 35, 39/41 e 1949) no decorrer do campeonato, mas não comanda a final do primeiro título do Náutico em 18 anos (7/4/1935), presente de aniversário na data de fundação do alvirrubro (1901), pois se mandara para o Tramways, com o qual é campeão (1936).

Tricolor

Na primeira semana de janeiro (1939) Acosta aparece no Santa Cruz ensaiando a carreira de treinador. Na última semana de fevereiro corre o boato de que rompe contrato, mas o diretor de esportes, Ramos Teixeira, afirma que o clube cumpre compromissos.

Relacionado para contra o Náutico (21/4) não entra em campo. Cinco dias depois a noticia de que regressaria ao Sul. Já estaria em uma negociação com o América/RN. A prova: volta ao noticiário como um dos supostos reforços na primeira excursão do Alecrim ao Recife na terceira semana de setembro (ver postagens anteriores).

Participa do Torneio início: 1 x 2 Sport, 1 x 0 America (26/3) e 3 x 0 Tramways (2/4). Tricolor: Vicente Lobão, Sidinho II, Pedrinho, Acosta, Marcionilo, Jaime Guimarães, Leo, Braga, Zé Pequeno, Robson e Siduca.

Amistosos: 0 X 1 Casa Amarela (sexta-feira, 6/1/1939), 3 x 0 Íris, 0 x 4 Seleção/PE, 3 x 2 Íris, 1 x 2 Íris, 2 x 0 Tabajaras, 4 x 2 Tabajaras, 3 x 0 Odeon, 2 x 1 Náutico, 0 x 1 Tramways, 3 x 2 Iolanda, 5 x 0 Metalúrgica Matarazzo e estréia oficial: 2 x 3 Sport (9/4).

 

FONTE

Acervo Histórico do Santos

Athletico/PR

Estrelas do FCP

Fotobol

Meu Timão

Norusca.com

Novo Milênio

Paraná Esportivo

Santos FC

Vozes da Zona Norte

Correio da Manhã

Jornal do Comércio

Jornal Pequeno

Arquivo Coral

Blog do Torcedor

Esporte Ilustrado

Futebol 80

Memórias do Santa Cruz

Moa Taubaté

Once-Once           

Roberto Vieira

Nenhum comentário:

Postar um comentário